Olive Tree Filmes

Introdução

Claquete: Como usar corretamente?

Claquete: Como usar corretamente?

A claquete é um dos símbolos mais fortes do cinema e, até hoje, é considerada como um dos itens mais importantes em uma gravação.

Apesar de sua fama, muitos ainda têm dúvidas sobre a sua função. Por isso, trouxemos dicas de como a claquete funciona e qual a sua utilização correta. 

Para que serve?

A claquete é um item que permite identificar de forma organizada cada cena gravada. O seu barulho característico serve para sincronizar áudio e vídeo. Por isso, é extremamente útil em gravações com roteiro, como documentários, longas, curtas etc. 

Organizando as informações

• Produção: campo onde escrevemos o nome da peça que será gravada;

• Rolo: se refere ao número da fita ou cartão utilizado na câmera. É importante acrescentar também o número da câmera utilizada, para que não haja confusão no final do processo;

• Cena: preencher com o número da cena que está sendo gravada;

• Plano: devemos indicar qual o plano será utilizado para a cena;

• Tomada: número de repetições de uma cena. Informação muito importante para a edição;

• Diretor e cameraman: nome dos responsáveis por dirigir e gravar as cenas;

• Data: preencher a data em que as cenas estão sendo gravadas;

• Claquete invertida: podemos utilizá-la para sinalizar o final de uma gravação, significando que o cartão ou a cena acabaram.

Com essa descrição, é possível perceber que todas as informações têm como objetivo organizar ao máximo possível o plano de gravações.

Dicas de utilização da claquete

1. É preciso se posicionar a claquete frente às câmeras, tomando cuidado para manter-se no foco da cena, de forma que ela fique visível pelo editor. Depois, é preciso falar todas as informações escritas na claquete em voz alta e, enfim, batê-la, indicando o início das gravações;

2. O verso da claquete também pode ser utilizado para marcar informações adicionais, como formato escolhido para gravação e velocidade utilizada, permitindo harmonia, caso precise retomar as gravações em outro momento;

3. Canetas podem manchar sua claquete, deixando-a inutilizável depois de alguns dias. Uma boa dica para evitar que isso aconteça é a utilização de fitas ou tecidos com velcro para marcar os números;

4. Manter a claquete sempre no plano em todas as cenas também facilita o trabalho, pois na hora de procurar por uma cena específica, a imagem da claquete estará no frame inicial. A dica é colocá-la no plano antes mesmo de iniciar as gravações;

5. Quando pensamos em sincronizar áudio, imaginamos que o som da claquete deve ser extremamente alto, mas a realidade é que a captura de som será efetiva, mesmo com uma batida suave da claquete, por isso, não é recomendado batê-la com muita força, pois movimentos muito bruscos podem danificá-la e diminuir seu tempo útil.

A utilização correta facilita o trabalho de edição de vídeo e otimiza o tempo dos profissionais envolvidos nessa fase da produção. 

Agora que você já sabe como utilizar uma claquete corretamente, aproveite para ler mais dicas e curiosidades sobre produção de vídeo em nosso blog!

Artigos Relacionados

0 comentário em “Claquete: Como usar corretamente?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *