Olive Tree Filmes

Introdução

Minha live deu errado, e agora?

Minha live deu errado, e agora?

Todos os produtores em alguma fase do projeto já passaram por problemas técnicos na hora de produzir conteúdo digital. Quando nos referimos às lives, os imprevistos podem surgir naturalmente, afinal, todos estamos sujeitos às eventualidades operacionais.

Pensando nisso, separamos algumas dicas essenciais para você se prevenir das falhas técnicas na hora da transmissão de lives. Ficou interessado? Então, confira agora mesmo!

Planejamento da live

A maioria das pessoas sabem que existe uma possibilidade muito grande para erros em projetos não planejados. Ou seja, este é o primeiro passo em direção à transmissão ao vivo profissional. O que você vai transmitir? Se for um evento, descreva a cena inteira.

Considere a disponibilidade de internet, a quantidade de câmeras necessárias, a duração, a iluminação do local, a estrutura do espaço de montagem dos equipamentos, mesmo que haja plugues suficientes. Para a veiculação in loco das comunicações internas, mesmo que a estrutura seja mais simples, o planejamento é essencial.

Considere o roteiro que será executado e se é necessário transmitir os slides ou vídeos ao vivo. Parece que você já está imaginando como será a transferência. Com tudo isso em mente, fica muito mais fácil organizar a estrutura técnica e executar as próximas etapas.

Escolha dos equipamentos

Mesmo uma live mais simples requer equipamento adequado para ser executado de maneira profissional. Saber como fazer uma transmissão ao vivo envolve entender a todos os requisitos. Não podemos deixar de começar com a coisa mais importante: a câmera.

Dependendo do seu projeto, você pode usar uma ou mais câmeras. Considerando que os equipamentos eletrônicos estão sujeitos a falhas, é sempre bom se prevenir de forma a ter dispositivos reservas para quaisquer imprevistos.

Faz-se necessário avaliar se existem etapas simultâneas (em eventos de grande escala), se são necessários ângulos diferentes durante a transmissão ou se apenas a câmera pode completar esse trabalho. Para transmissão ao vivo, uma filmadora é a melhor escolha. Além disso, as câmeras profissionais usadas em TVs fornecem qualidade de imagem superior do que as câmeras comuns.

Medidas preventivas

“Se algo tem mais probabilidade de dar errado, com certeza acontecerá no pior momento e da maneira que causar mais danos”. Essa é uma das máximas da lei de Murphy, por isso é imprescindível trabalhar com muita prevenção.

Antes da transmissão, vale ressaltar a importância de visitas técnicas com a equipe de produção in loco. Desta forma, os profissionais podem verificar a estrutura e iluminação e outros problemas, e realizar alguns testes para garantir que não haja erros no dia. Você riscou todos os itens da lista e já sabe como transmitir programas profissionais ao vivo? Então, prepare-se para ficar online!

Como você pode ver, há mais fatores envolvidos em uma vida profissional do que uma simples transmissão por meio de um telefone celular. Se você não tem tempo nem dinheiro para realizar todas as etapas, comprar equipamentos e contratar uma equipe, a melhor opção é escolher um serviço dedicado ao streaming em tempo real.

Ficou interessado? Conheça os serviços da Olive Tree Filmes!

Artigos Relacionados

0 comentário em “Minha live deu errado, e agora?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *