Wirecast - Como conectar aos servidores de Streaming: Facebook, YouTube e Vimeo

Olá, sejam bem-vindos, eu sou Silas Oliveira.

Já aprendemos como inserir nossas câmeras, como configurar as tomadas, aprendemos também a inserir textos e elementos gráficos na nossa transmissão. Agora, eu e você já estamos animados para iniciar a nossa transmissão. Mas ainda falta um passo importante: configurar o servidor que irá receber o sinal e compartilhar com toda nossa audiência. Então, vamos lá?!

Lembra que no início, eu mencionei a respeito destes botões superiores, esse que parece um símbolo de Wi-Fi? Ele que nós vamos apertar agora. Essa janela vai me perguntar a respeito dos servidores. Você pode configurar diretamente o RTPM, caso você já tenha o endereço e a chave, ai você pode configurar direto. Mas também, você tem a opção de escolher na lista, as principais plataformas de transmissão. No meu caso, vou escolher o Youtube.

Agora, vou dar um nome a essa transmissão. Vou dizer aqui "Canal do Go Live". Abaixo, vou selecionar a qualidade da transmissão, vou colocar Youtube. Ah, um negócio interessante: Nessa lista, você pode ver que algumas opções estão NVENC, e outras Intel QuickSynk. Ele vai utilizar uma tecnologia que está dentro da placa de vídeo, para fazer a parte de encoding de forma via hardware, invés de utilizar toda sua CPU para fazer via software. São opções interessantes que você pode utilizar para melhorar a qualidade e a performance do seu computador. Ele já vai estar bastante ocupado gerenciando as câmeras, as tomadas e os vídeos que você vai colocar. Então, se você puder aliviar um pouco desse peso do seu processor, e colocar ele para dividir essa carga com a placa de vídeo, e outros elementos que você tem dentro do computador, é bom sempre pensar nisso.

Vale lembrar que no seu computador podem aparecer diferentes opções da minha aqui. No meu caso, essas opções são o que o software reconheceu dentro da minha máquina. Então, na sua máquina, pode aparecer outras opções, mais opções ou também pode aparecer menos opções. Ou seja, são as opções que o software vai utilizar o seu próprio sistema para fazer o papel de encoding.

Então, a minha escolha será essa Youtube: 1080p30 NVENC (6000 Kbps). São 1080p, que é a resolução, 30 frames por segundo, utilizando o hardware da placa de vídeo para fazer o encodamento, e transmitir a uma taxa de 6000kbps. Pronto! E para finalizar, eu preciso autenticar a minha conta dentro do Youtube, que eu utilizo sempre para testes e ninguém vai assistir a nossa transmissão agora. Pronto! Agora vou vou clicar aqui, vou permitir, e vou colocar o Ao Vivo Agora no "tipo de evento", e colocar "dentro do canal", isso significa que não vai transmitir para um evento agendado, e sim, diretamente dentro do canal. Ou seja, ele vai criar um evento, mas um evento ao vivo, que não foi agendado. Iniciar a transmissão.

Se você tem uma rede de pessoas que seguem o seu canal, e elas estiverem dentro do Youtube no momento, elas vão avisar que você já está online. Assim, você pode ter mais audiência para a sua transmissão. É uma ferramenta que, a maioria das redes sociais que fazem transmissão ao vivo, vão utilizar para divulgar a sua transmissão. Então agora, eu programei para transmitir para o Youtube, ou seja, o sinal vai dar daqui e vai ser redistribuído pela plataforma do Youtube.

Mas caso você queira, pode adicionar uma segunda plataforma. Muitos clientes meus, sempre costumam perguntar se é possível transmitir para o Youtube e para o Facebook, por exemplo. Então vamos fazer isso agora. Pronto, agora temos aqui o Facebook. Dessa vez, vou utilizar o outro método para fazer o encodamento. Então, vou selecionar a 720, 30 frames, uma transmissão de 4Mbps, x264 H.264. Não quero forçar muito a máquina. E aqui, vou fazer a mesma coisa que eu fiz dentro da opção do Youtube. Vou atenticar a minha conta para que o wirecast tenha acesso, e possa fazer minha transmissão de uma maneira segura. Mas como você já compreendeu como se faz, eu não autenticar o Facebook agora, vou deixar somente o Youtube aqui.

Lembra do botãozinho que fica do lado do botão de transmissão que pare um símbolo de Wi-Fi? Essa bolinha representa, ela vai abrir a mesma janela, mas ela está abrindo porque quer que eu configura a gravação. Além de fazer toda transmissão, o wirecast permite que você faça a gravação dentro do seu computador, dentro do hardware do seu computador. Agora, vou colocar para gravar no disco. Tenho a opção do Windows Media Player, formato WMV, também tenho a opção do formato MOV, e MP4. Neste caso, vou escolher MP4, para que eu possa ter isso salvo dentro do meu computador. Agora, eu já tenho o meu botão de transmissão programado, configurado corretamente, e também meu botão de gravação. Está tudo pronto para que eu comece fazer a minha transmissão, a minha live, para dentro do meu canal.

Então, vamos começar? Vou apertar aqui o botão de transmissão. Ficou verde. Então agora, apareceram alguns números. É só uma espécie de painel para você saber quanto é a taxa de transmissão que está sendo enviada pelo Youtube, e quanto esse sistema está usando do seu CPU. Agora que eu já sei que o sistema está transmitindo, vou acionar também a gravação, para que eu possa ter um backup dentro do meu computador. Lembrando também, que eu tenho essa outra opção, o ISO. Ele me permite gravar com uma câmera especifica e ter um backup exclusivo de uma câmera. Ou, se o seu computador tiver capacidade, você pode fazer também um backup de todas câmeras e assim fazer uma edição, uma pós edição diferente do que você escolheu dentro do wirecast. É uma opção para quem quer fazer uma transmissão em um estilo, e uma edição, uma pós produção final, em outro estilo. É só uma opção a mais que tem no sistema, e para algumas pessoas vai servir muito bem.

Então, vamos ver se a transmissão está funcionando de verdade? Vou sair do wirecast, vou abrir o browser, e pronto! Estou dentro do meu canal. Como vocês podem ver, tem um certo atraso, e esse atraso pode variar entre 30 a 60 segundos, para que a informação possa sair do meu computador, ir até a plataforma do Youtube, os servidores que irão multiplicar o sinal, e trazer de volta aqui para o meu browser. É por isso que tem todo esse atraso.

Agora, você já sabe como utilizar o wirecast. Você aprendeu a respeito do painel, como inserir as tomadas, as câmeras, os vídeos, elementos gráficos, e fazer com que suas transmissões sejam mais animadas e dinâmicas, com uma aparência profissional, e que possam trazer engajamento para o seu público. Eu recomendo que você esteja sempre atento as atualizações desse software. Baixe a demo e faço testes, brinque, faça disso um momento descontraído, de lazer. Assim, você pode aprender e memorizar os funções, botões, onde cada coisa está, fazer com que a sua transmissão ao vivo seja de sucesso!

Lembre-se, você pode rever este conteúdo quantas vezes quiser, pelo blog ou canal do Youtube.